Por meio da Lei Rouanet, o Governo Federal oferece uma ferramenta para que a sociedade possa decidir aplicar, e como aplicar, parte do dinheiro de seus impostos em ações culturais.

E agora você pode decidir aplicar parte de seus impostos em um projeto de ação cultural desenvolvido pelo THIESEN-MS!

O “Projeto TEKOTEE – Plano Anual de Atividades das Obras Sociais Francisco Thiesen – 2017” foi aprovado pelo MINISTÉRIO DA CULTURA, por meio do Programa Nacional de Apoio à Cultura PRONAC nº 162451, publicado no D.O.U. de 09 de novembro de 2016, no art. 18.

Projeto TEKOTEE

Visando atender 400 crianças e adolescentes de 5 a 16 anos, combatendo a marginalização e proporcionando protagonismo social, o projeto prevê a implantação de oficinas na área de:

– Música Instrumental
– Teclado
– Flauta
– Violão
– Violino)

– Artes
– Artes visuais
– Artes Circenses
– Danças populares
– Ballet
– Teatro e
– Canto coral

Serão ainda oferecidos cursos de:

– Português
– Matemática
– Inglês/Espanhol
– Informática
– Cidadania
– Educação Física
– Preparação para o Mundo do trabalho.

Como Doar via Lei Rouanet

O que é a Lei Rouanet

Sancionada em 1991, a Lei 8.313, conhecida como Lei Rouanet, instituiu o Programa Nacional de Apoio à Cultura (Pronac), que estabelece as normativas de como o Governo Federal deve disponibilizar recursos para fomentar a cultura no Brasil. Para cumprir este objetivo, um dos mecanismos criados foi o “Incentivo a projetos culturais”, também chamado de “Incentivo fiscal”.

O que é o Incentivo Fiscal a Projetos Culturais

O incentivo é um mecanismo em que a União faculta às pessoas físicas ou jurídicas a opção pela aplicação de parcelas do Imposto sobre a Renda, a título de doações ou patrocínios, no apoio direto a projetos culturais ou em contribuições ao Fundo Nacional da Cultura (FNC). Ou seja: o Governo Federal oferece uma ferramenta para que a sociedade possa decidir aplicar, e como aplicar, parte do dinheiro de seus impostos em ações culturais. Desta maneira, o incentivo fiscal estimula a participação da iniciativa privada, do mercado empresarial e dos cidadãos no aporte de recursos para o campo da cultura, diversificando possibilidades de financiamento, ampliando o volume de recursos destinados ao setor, atribuindo a ele mais potência e mais estratégia econômica.

Fonte: Ministério da Cultura.

Mais informações Lei Rouanet – Minsitério da Cultura.